Google+ Followers

quinta-feira, 23 de julho de 2015

PÉTALA VINTAGE


A gente ficava, sorria,
Ficava, cantava.
A gente parava, dançava
E não pensava em mais nada.

O aroma das flores e o sabor dos amores
Lábios e beijos,
Libidinosos desejos.
Um antigo amor perfeito!
Um atual amor bem feito!

Um simples pedido nunca fora de moda:
- Quer namorar comigo?
- Quer pra sempre ser o meu abrigo?
O desejo férvido a carne tépida arrepia.

Adoro o seu beijo
Que delícia esse meu desejo!
Você mexe com todo o meu metabolismo.
Você me deixa embriagado
Nos meus eufemismos.

Um cativo amor preso nas correntes da nossa liberdade –
Uma agressiva paz em forma de uma rubra pétala vintage.





AQUELA OUTRA PESSOA QUE... (vídeo)